Sarau discute desconstrução de estereótipos e machismo em Parelheiros

Além de intervenções de dança, teatro, música, poesia e bate-papos, o Coletivo Juventude Politizada Parelheiros oferece durante o evento oficinas de stencil e turbante.

Por Júlia Cruz 25/05/2017 - 16:48 hs
Foto: JPP
Sarau discute  desconstrução de estereótipos e machismo em Parelheiros
Juventude Politizada de Parelheiros

Acontece  neste sábado (27), a partir das 14h, o 1º Sarau: Juventude Politizada de Parelheiros, no Jardim Silveira, bairro localizado na zona sul de São Paulo. Com o objetivo de discutir e promover o debate sobre machismo com a juventude  periférica, o grupo vem se articulando para construir ações afirmativas na região.

Criado por pessoas que residem em Parelheiros, o coletivo Juventude Politizada surgiu com o propósito de abordar temáticas pertinentes à periferia, como: gênero, política, educação e ancestralidade, instigando a discussão entre os jovens e cidadãos periféricos.

AGENDA

Sarau: Juventude Politizada de Parelheiros

Local: Creche do Silveira

Endereço: Rua Antônio Bernal,Parelheiros -  São Paulo

Data:  27/05

Horário:  14h às 20h

Entrada: Livre